Correio do Povo | Notícias | Para Renato, faltou calma para Grêmio definir lances contra o Aimoré

Porto Alegre, segunda-feira, 19 de Agosto de 2019

  • 23/01/2019
  • 22:59
  • Atualização: 23:20

Para Renato, faltou calma para Grêmio definir lances contra o Aimoré

Treinador ainda lamentou de "erro bobo" no gol sofrido pelo Tricolor

Renato avaliou atuação do Grêmio como boa apesar de empate | Foto: Fabiano do Amaral

Renato avaliou atuação do Grêmio como boa apesar de empate | Foto: Fabiano do Amaral

  • Comentários
  • Correio do Povo

O técnico Renato Portaluppi avaliou que faltou calma para o Grêmio definir melhor as chances de gol que criou no empate por 1 a 1 com o Aimoré na noite desta quarta-feira no Cristo Rei pela segunda rodada do Gauchão. O treinador, no entanto, disse que ficou satisfeito com a entrega do seu time na partida.

"Nós tivemos boas chances para vencer a partida. Infelizmente, não aproveitamos todas elas. Fizemos um gol e depois em uma bobeira sofremos o empate", afirmou o treinador. "Tivemos muita pressa para finalizar. Poderíamos ter tido mais tranquilidade, mas faz parte da juventude e vontade de fazer o gol. Tenho certeza de que poderíamos ter saído daqui com a vitória", seguiu.

Em relação às reclamações dos jogadores na saída do gramado por conta das condições do Cristo Rei, Renato Portaluppi optou por minimizar. Ele admitiu que o estádio ofereceu dificuldades, mas disse que não se pode tirar os méritos do Aimoré por ter segurado o empate. "O Gauchão é assim mesmo. O campo não era dos melhores, a iluminação muito ruim, mas não vamos usar como desculpa. Temos de dar méritos para o adversário", reforçou Renato, que elogiou a entrega do grupo.

"O importante é que eles estão se portando bem. Fizemos dois jogos fora e conquistamos quatro pontos. Só tenho a parabenizar o meu grupo. Não está faltando entrega nem dedicação", finalizou. O Grêmio volta a campo na próxima segunda-feira, às 20h, para enfrentar o Juventude no primeiro jogo do ano na Arena.


TAGS » Grêmio, Futebol, Esporte